Outra atração é a visita a Pearl Harbor, com direito a um passeio até a superfície aonde os barcos afundaram, dá pra ver os barcos no fundo, porém, é um pouco distante e tem quem goste e quem não goste.

Outro ponto muito visitado é Sea Life Park, onde você pode pagar pra poder entrar na água com golfinhos e outros animais marinhos. Há vários tipos de interações e consequentemente vários tipos de preço.

Existe também uma área que possui a cultura Japonesa. Ë um verdadeiro templo japonês no Havaí, chama-se Byodo-In Temple. É um pouco afastado, mas é legal.

Aqui temos o Diamond Head, um vulcão que pode ser visitado, mas não está em atividade. Fica ao lado dos hotéis, e é um parque bem bonito. Você pode ainda visitar a parte de North Shore e as praias de Waimea (tem vários lugares nas ilhas com este nome, mas este é o local do tradicional campeonato de Surf e das ondas gigantes - mas uma ressalva, as ondas também são "turistas" e só chegam à ilha depois do início de Janeiro, ou seja, se você for antes, vai ficar sem entender porque o nome das ondas gigantes) e Pipe Line.

O passeio na principal rua a beira da praia de Waikiki perto do hotel do Havai 5-0 também é legal e imperdível. A praia de Waikiki tem muitas pedras, e pode ficar um pouco alvoroçada no final do dia, com alguns surfistas, e alguns banhistas enfrentando as ondas que crescem ao cair da tarde, mas tem alguns passeios, como de uma canoa Havaiana gigante, que podem ser interessantes, mas lembre-se, que aqui apesar de Havai, nem tudo é tão seguro como no restante dos EUA. Então prudência, dinheiro no bolso, e canja de galinha não faz mal pra ninguém.

Havaí - Uma Viagem Imperdível 4 - Atrações (Honolulu - Oahu)

Há também, os famosos Luais. Aqui cabe uma ressalva. Muitos lugares oferecem o Luau original. O mais conhecido e popular é o do Polinésian Center, mas olha, é uma roubada. O lugar é um centro cultural da cultura polinésia, como o nome diz, mas o lugar até que é bonitinho, mas você não foi ao Havai pra ficar andando de um lado pro outro com uns negócios que parecem de escola de samba, comendo umas comidas mais ou menos e vendo um showzinho que parece de calouros do Silvio Santos, mas Luau é Luau, igual a estátua da Liberdade, se você for ao Havai e disser que não foi a um Luau, tem sempre um chato pra dizer: "Nossa você perdeu ! Eu adorei !". Pra evitar esse comportamento, se você quiser ir eu recomendo o segundo melhor Luau de Honolulu (que pra mim é o primeiro) Paradise Cove Luau. A comida é boa, o show é razoável (o legal é o cara com a tocha, no outro você assiste a um show chatíssimo sobre a estória do Havai - Who cares ? - de quase duas horas e os últimos 5 minutos tem o cara com a tocha), e o lugar é lindo (no caminho, tanto pra lá, quanto pra North Shore, você pode ainda apreciar as famosas plantações de abacaxi da Dole que é um dos maiores fabricantes de suco dos EUA) !

Outro lugar muito bonito é Kailua Bay que tem uma cor de água linda e uma baia lindíssima, pode ir que eu garanto.

E deixei, pro final, Hanauma Bay. Este é um parque (portanto cuidado, em determinadas épocas pode ficar lotado e fecha um dia por semana, cheque antes de ir, porque se você se programar com apenas um dia pra ir e neste dia estiver fechado, pode ter problemas depois) de preservação da Natureza. O estacionamento é pequeno e ao decorrer do dia não só o estacionamento fica cheio, como pra entrar a fila é enorme. Você precisa assistir a um vídeo de 10 minutos pra entrar onde eles "ensinam" o que você não pode fazer no lugar (bem coisa de americano, mas mesmo assim você vê gente fazendo o que não pode, ou seja, no final eles estão certos em passar o vídeo), mas o lugar é fascinante. Já começa ao chegar, com uma descida em uma encosta vendo a praia linda abaixo. Lá houve uma explosão vulcânica (o que mais tem no Havai é isso, inclusive as montanhas são todas formadas por lava, e você vê o formato das lavas escorrendo o tempo todo), bem na beira da praia, o que acarretou uma vida marinha gigantesca e muito rica nessa baía. Ela é rasa o tempo todo e você faz snorkelling sem entrar no barco, com peixes lindos e muitos o tempo todo. Dica, pela manhã as águas ainda não estão muito mexidas e você pode ver bem melhor que de tarde, quando o mar já tá cheio e cheio de gente em tudo que é lugar, a areia do fundo já tá muito mexida e dificulta um pouco a visão dos peixes.